h1

A busca incessante pela beleza

17/12/2009

A busca pela beleza se torna a cada dia mais descontrolada, uma vez que a maioria das pessoas determina metas que ultrapassam o limite do que é saudável. Por muitas vezes essa busca é até insana.

Vivemos um momento onde existe uma nova geração denominada “geração saúde”, mas até que ponto a busca pela saúde, cuidados com calorias e o que se deve ou não comer deve ir? Até onde isso não se torna um culto à beleza vazia?

No passado, as mulheres mais “cheinhas” eram consideradas as mulheres ideais. Isso foi retratado em quadros de diversos pintores famosos, mas hoje ao que tudo indica é que quanto mais magro você for, mais “saudável” e “bonito” você será considerado pela sociedade,

Os homens cada vez mais cedo estão passando a freqüentar academias e, em muitos casos, fazendo uso de anabolizantes. Agora também alguns que se preocupam demais com a aparência. Passaram a freqüentar centros estéticos para parecerem mais bonitos e saudáveis, estes são chamados de Metrossexuais.

As mulheres estão cada vez mais vaidosas (como se isso fosse possível) freqüentando assiduamente centros estéticos. Buscam por técnicas que as façam se sentirem e se tornarem cada vez mais magras e com curvas mais sinuosas. Freqüentam academias que, a princípio, era uma coisa mais masculina e muitas utilizam assim como os homens: anabolizantes, cabeleireiros e não poderiam ficar de fora os cirurgiões plásticos.

Muitos homens, por mais que não admitam, gostariam ou treinaram para ter corpos como os de personalidades famosas como Brad Pitt, Arnold Swazzineger, entre outros homens com corpos esbeltos e “sarados”. Por outro lado as mulheres, como mostram pesquisas, gostariam de ter a boca de Angelina Jolie, nariz da Nicole Kidman, o bumbum da Jennifer Lopez, a cintura da Thalia e por ai vai!

Não estou aqui querendo dizer, que ser “gordinho (a)” como disse acima significa ser saudável, e que este é o modelo correto, mas também não quero dizer que ter o corpo igual ao de super modelos também seja.

Vamos aos dados:

A Unilever, famosa multinacional e dona da marca Dove, fez em 2008 uma pesquisa mundial onde ouviu 3200 em 10 paises diferentes. A empresa entrevistou mulheres de 18 a 64 anos. Esta pesquisa revelou que apenas 2% das mulheres se julgam bonitas e no Brasil este índice foi de 1%. A pesquisa também revelou que 54% das brasileiras fariam cirurgias plásticas e 7% já haviam feito (eu acredito que sejam muito mais). 13% das brasileiras acreditam que a beleza pertence apenas ás Top Models e 25% das mulheres, se pudessem, trocariam 25% de sua inteligência por um corpo que almejam.

Outra pesquisa realizada no Rio de Janeiro mostra que no ano 2000, a procura por próteses de silicone e lipoaspiração entre os adolescentes cresceu 1000%. Cerca de 74,2% das adolescentes estão insatisfeitas com o seu corpo e 78% se sentem culpadas quando comem algum alimento que acreditem ser engordativos. Esta pesquisa foi feita com 3512 adolescentes entre 13 e 20 anos.

O que podemos perceber:

Como disse acima assim como gordurinhas a mais não é sinal de saúde, magreza também não é. Recentemente uma adolescente de 16 faleceu por uso de anabolizantes para deixar o corpo mais torneado e definido. Este tipo de recurso é utilizado por pessoas de diversas idades, mas também muito utilizado por adolescentes, o que potencializa o perigo. Segundo os amigos, ela era muito vaidosa e preocupada com sua aparência. Ela apenas engrossou uma estatística. Onde morrem cada vez mais jovens homens e mulheres.

E não são apenas mortes por uso de anabolizantes, mas em mesas de cirurgia plástica, por doenças como anorexia e bulimia.

A mídia também é grande culpada por estereótipos de beleza criados uma vez que clipes de musica de cantores famosos, novelas e filmes apelam para corpos a mostra, afim de promover seus produtos com mais facilidade. isso envolve desde musicas apelativas e grosseiras a filmes e clipes que apelam para a nudez e sensualidade, já que não tem conteúdo a oferecer.

Acredito que este caminho que muitas pessoas estão trilhando de autodestruição, deixando de se alimentar para não engordar, não tenha volta enquanto as pessoas não tomarem consciência de quanto isso é grave e perigoso.

A alimentação saudável e a pratica é fundamental para uma vida saudável. Achar uma atriz ou modelo lindas e sensuais é legal, mas isso não pode se tornar uma obsessão. Muitas mulheres querem ser jovens eternamente e apelam para cirurgias. Cuidar é bom e necessário, mas exageram pode trazer graves conseqüências a saúde.

B.O.

About these ads

6 comentários

  1. Oi Bruno e Emilie! Bacana os assuntos abordados, em especial esse ultimo.
    Quero apenas fazer um comentários sobre o que li nos dados do texto, embora que isso fuja totalmente do foco do texto como um todo.
    Aquele dado estatístico de que apenas 2% das mulheres se acham bonitas, ou 1% aqui no Brasil, acho que isso não é bem assim, sei lá, sinceramente não me lembro de ter encontrado com os representantes desse 1%, não em baladas, faculdade ou trabalho pelo menos. A sensação que tenho é que somos uma geração sem muita coisa pra se preocupar, talves por isso a vaidade seja algo tão importante hoje em dia. Vocês mesmos ja devem ter se deparado com por exemplo um imbecil na sala de aula, daqueles que gritar para a sala inteira que vai colar de você numa prova faz todos rirem e acharem muito legal isso, o que quero dizer é que é um problema de época sabe? Em que fase da humanidade declara sua incapacidade te tornaria popular e bem visto? Só na nossa! Dos caras da academias, das mulheres que cultuam o sexo somente em carros de luxo com os próprios caras das academias.

    Caramba, comentei muito.
    Um abraço e parabéns pela iniciativa.


    • Renato Valeu pela visita e por comentar!!!!

      Bem, Muitas (mas não todas) meninas e mulheres que eu conheço, sempre estão preocupadas com o peso e sempre se achando gordas, ai resolvi pesquisar e encontrei essa pesquisa da Unilever, eu achei um dado muito “forte” digamos, não acredito que 99% das brasileiras se achem feias, mas que uma grande parte das pessoas infelizmente, são movidas pela mídia e infelizmente não valorizam a beleza própria, e se espelham em atrizes só que elas esquecem que na TV, filmes, fotos existe muita, mas muiiiiita maquiagem, truques de câmera, luz e fora os Photoshops da vida!!!

      Eu acredito que grande parte das mulheres se sentem infelizes com o corpo, cabelo, peso e etc… E também concordo com o que você disse, essa nossa geração está muito preocupada com as coisas erras, existem muiitas outras coisas com o que se preocupar!!!

      Obrigado por contribuir e volte sempre!!!!!


  2. Ser ou não ser eis a questão!!! Vivemos em um mundo condicionado a uma ideologia ultrapassada e superficial sobre o conceito da beleza. Mas a grande verdade é que todos nós fazemos parte desse mundo. E como diz Machado de Assis ou você se adapta ou você morre. Pois bem, eu já estou morta para algumas pessoas porque viver em uma sociedade déspota e ilusória não faz parte da minha ideologia de vida.

    “Para sê grande sê inteiro” (Ricardo Reis) Fernando Pessoa


    • Como você diz: “Ao vencedor as batatas” de Machado de Assis!!!!!!

      Muito pertinente seus comentários!!!!


  3. Show de bola, esse site ajudou muito nos meus trabalho de escola. Abraços


    • Obrigado pela visita! Fico feliz que tenhamos ajudado! Volte sempre Monique e, se quiser, com sugestões de matérias! Até mais!



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: